Não podemos desistir

Passamos por problemas que nos desanimam. Muitas vezes somos indiferentes e queremos desistir. Nestas horas é preciso lembrar que podemos superar nossas dificuldades e encontrar o que procuramos.

Um dia desses aconteceu algo que quero narrar. Eu estava na praia e um amigo cadeirante, sentado perto da água, havia saído da canoa que estava remando um pouco, mas estava triste. Perguntei se tudo estava bem e ele disse que havia perdido o celular. Perguntei onde e ele disse que ao sair da canoa o celular caiu na água. Imagine, aquele marzão, água sem visibilidade.

Um amigo dele já tinha desistido de procurar. Eu perguntei onde caiu ele disse mais ou menos.

Para demonstrar boa vontade eu fui procurar já que o amigo não tinha pernas eu as tinha, embora falte meu braço. A água só tinha uns 30 cm transparência, não era possível ver o fundo então resolvi rastrear o chão com os pés. Depois de alguns minutos alguém disse que seria impossível achar. Concordei discordando e continuei.

Continuei e fiquei imaginando a real possibilidade de achar. Pensei no tamanho do celular e o comparei com o tamanho da praia e tudo me dizia para parar pois realmente seria “impossível”.

Eu resolvi continuar procurando um pouco mais e fui rastreando com os pés, fazendo uma varredura no local onde o amigo disse que caiu.

Após um tempo passei a sentir a textura do fundo e continuei, continuei, até que meu pé passou por algo liso, abaixei-me e verifiquei, era o celular. O dono estava da praia me olhando esperançoso e levantou as duas mãos comemorando com um grito de alegria.

Esta história me fez pensar que às vezes analisamos as situações da vida e desistimos desesperançosos por entender que nosso problema é do tamanho do mar e a solução pequena como aquele celular. Então desistimos e perdemos a chance de encontrar e comemorar alegremente uma solução.

Não sei se o celular salvou-se, os chips sim, mas a alegria do achado me deu uma força maior e me fez entender que precisamos continuar nossa procura. Um dia encontramos soluções.

Grande abraço a todos.

Gilson Oliveira

py2gs

Graduado em Informática para Gestão de Negócios pela Fatec-BS. Pós-graduado em Administração Pública pela UGF. Aposentado do Serviço público Federal, Casado, 2 filhos e uma neta. Mora em Santos Litoral de São Paulo. Radioamador Classe A, prefixo py2gs antigo py2add.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze − 7 =

Verificando humanidade. *

%d blogueiros gostam disto: