FinançasTextos do Autor

Ideias para juntar R$ 1.000 e sair das dívidas sem muito esforço 

A vida financeira é a gestão do orçamento pessoal e das finanças pessoais. Refere-se ao modo como você gerencia sua renda e despesas, investe seu dinheiro e planeja suas finanças para o futuro. 

Infelizmente, muitas pessoas não têm uma boa noção de sua vida financeira e acabam gastando mais do que ganham, o que pode levá-los à dívida e à ruína financeira. Isso pode acontecer por diversos motivos, como gastos excessivos, falta de planejamento financeiro, falta de controle sobre as despesas e más decisões de investimento. 

Para evitar a ruína financeira, é importante desenvolver hábitos financeiros saudáveis, como fazer um orçamento, poupar dinheiro regularmente, controlar as despesas, investir de forma inteligente e educar-se sobre finanças pessoais. A chave para uma vida financeira saudável é a conscientização e a responsabilidade financeira. 

Algumas ideias e comportamentos simples te ajudarão a manter suas contas em dia e a economizar dinheiro, saindo de dívidas e do negativo, para o positivo, com uma grana guardada e rendendo.  

Se você está endividado, comece saldando suas dívidas e parando de gastar por um tempo, valera a pena o esforço. 

Corte gastos desnecessários, como assinaturas de serviços que você não usa, compras impulsivas e jantares fora de casa. 

Tenha um orçamento mensal e siga-o rigorosamente. 

Use aplicativos com renda diária automática para transferir uma pequena quantia de sua conta bancária para esta conta todos os meses. Alguns exemplos: Mercadopago, PicPay e outros, todo dinheiro colocado lá rende diariamente. 

Venda itens que você não usa mais, como roupas, livros e eletrônicos e use o dinheiro para saldar dívidas caras, como por exemplo, cartão de crédito, que deve ser usado apenas como meio de pagamento e não como um financiador de nada, os juros são caros. Resumindo, acabe com qualquer dívida de cartão de crédito. Lute até conseguir pagar o total da sua fatura todos os meses e se não conseguir, cancele todos os seus cartões até você conseguir no mínimo gastar só o que você ganha. A partir daí, você poderá economizar um pouco todos os meses. 

Dicas para economizar 

  1. Pare de fumar e beber ou reduza o número de cigarros por dia. Gaste menos com isso ou pare de gastar. 
  1. Se puder, prepare suas refeições em casa em vez de comer fora. 
  1. Use cupons de desconto e busque promoções ao fazer compras. 
  1. Troque seus hábitos de consumo por alternativas mais baratas, como trocar bebidas açucaradas por água ou café. 
  1. Obtenha um trabalho extra ou faça horas extras no trabalho atual para ganhar dinheiro extra. 
  1. Encontre maneiras de ganhar dinheiro extra, como fazer trabalhos freelancers ou vendendo produtos online. 

 
Saldar as dívidas e parar de gastar por um tempo são medidas importantes para começar a recuperar a saúde financeira. Aqui estão algumas etapas para ajudá-lo a fazer isso: 

  1. Faça um orçamento: Anote todas as suas receitas e despesas para ter uma visão geral da situação financeira atual. 
  1. Priorize as dívidas: Ordene as dívidas por taxa de juros, começando pelas de juros mais altos. 
  1. Pare de gastar: Corte gastos desnecessários e evite novos gastos enquanto paga as dívidas. 
  1. Pague mais do que o mínimo: Pague o máximo possível em cada conta para reduzir as taxas de juros e pagar as dívidas mais rapidamente. 
  1. Busque ajuda se precisar: Se estiver tendo dificuldades para pagar as dívidas, considere buscar ajuda de um profissional financeiro ou de uma agência de ajuda a endividados. 

Como juntar dinheiro 

Se você ganha R$ 1.300 por mês e quer juntar R$ 1.000 rápido, precisará economizar aproximadamente R$ 300 por mês. Será um herói se fizer isso e em 4 meses você terá o dinheiro. Este esforço significa dedicar cerca de 23% de sua renda mensal a poupar. Lembre-se que, se não conseguir 300, tente com 100 ou 50. Vai demorar mais tempo, mas no fim você não terá dívidas e vai possuir 1000 reais guardado e rendendo todos os dias. Isso faz muito bem para a nossa saúde. 

Lembre-se de incluir as despesas fixas, como aluguel, contas de água, luz e gás, transporte e alimentação, no orçamento mensal. Depois de cobrir essas despesas, você pode determinar quanto dinheiro tem disponível para economizar. Comece por aí. 

Recomendo fazer um orçamento rigoroso e monitorar suas despesas com cuidado para garantir que você esteja economizando a quantia desejada todos os meses. 

Por fim, nunca peca empréstimos ou pague juros. Não pegar empréstimos ou evitar pagar juros é uma estratégia financeira saudável que pode ajudá-lo a manter suas finanças equilibradas. 

Lembre-se de que a recuperação financeira pode levar tempo, mas seguir estas etapas e ter uma abordagem disciplinada e estruturada para suas finanças o ajudará a alcançar seus objetivos a longo prazo. 

Gilson Oliveira

py2gs

Graduado em Informática para Gestão de Negócios pela Fatec-BS. Pós-graduado em Administração Pública pela UGF. Aposentado do Serviço público Federal, Casado, 2 filhos e uma neta. Mora em Santos Litoral de São Paulo. Radioamador Classe A, prefixo py2gs antigo py2add.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × 5 =