A  verdade que nunca te contaram sobre o HT Baofeng

A verdade que nunca te contaram sobre o HT Baofeng

A popularização do rádio ht  Baofeng uv-5r trouxe com seu preço baixo, acesso ao ptt. Os sem ptt ficaram maravilhados com a possibilidade de usar um transceptor a um preço muitíssimo baixo. Algumas pessoas compraram um rádio portátil HT Baofeng UV 5r com a intenção de manter contato com amigos,  com uma pessoa especial a uma curta distância, no vôo livre, na pescaria, no camping etc…

Sendo leigos no assunto radiocomunicações e sem a orientação necessária, entendem que podem utilizar-se deste pequeno transceptor livremente sem ter problemas com a Polícia Federal ou com a fiscalização da Anatel.

Não, legalmente não podem utilizar pois qualquer equipamentBaofeng uv5ro de radiocomunicação que não seja os FRS (Family Radio Service) ou GMRS (General Mobile Radio Service, os conhecidos Talkabout e outros, necessitam de licença específica concedida pela Anatel. O Baofeng UV 5r não pode ser classificado como FRS/GMRS, embora trabalhe com as frequências desta modalidade a potência é muitas vezes superior ao permitido.

Outro problema é a falta de homologação do aparelho, e aqui cabe ressaltar que quase 100% destes pequenos rádios não tem homologação, tanto para radioamadores quanto aos outros potenciais usuários. Mesmo se o detentor possuir a Nota Fiscal ele não é homologado e o custo da homologação é muito maior que o do rádio, inviabilizando teoricamente o uso.

Em Abril deste ano de 2015 conversei com o presidente da LABRE-SP, Marcelo Motoyama que me confirmou a intensão da LABRE-SP de promover em breve a homologação de muitos transceptores em seu nome, o que será extensivo a seus associados adimplentes. Neste caso valerá a pena se filiar, não pelo Baofeng, mas por outros tantos aparelhos, pois a anualidade da LABRE custa mais caro que um Baofeng UV-5R.

É bom lembrar que qualquer usuário de HT que não sejam os Talkabout ou similares que tem uma potência inferior a meio watt, tem que ter licença específica de radioamador, ou de Serviço Limitado Privado.

Embora o  UV-5R seja é um bom aparelho, considerando seu preço, não basta comprar, é preciso licença e, licenciar-se para o serviço de radioamador é relativamente fácil e de valor monetário irrisório, é muito mais prático ter a licença de classe C do que correr o risco de responder processo administrativo e criminal pois  é crime federal utilizar este tipo de equipamento não sendo licenciado para tal. A multa é por fazer uso clandestino de radiofrequência é cara, cerca de R$ 10.000,00. O grande problema é que o brasileiro acha que pode dar jeitinho em tudo e vai continuar a usar até ser pego. Como a fiscalização não dá conta de pegar todos os usuários clandestinos, a maioria vai usando o espectro de radiofrequência destinado ao radioamadores e outros até que a Anatel o separe do seu “agatezinho” lindo de olho azul.

Neste blog existe um simulado para a prova de radioamador da Anatel, procure no menu superior os links, no site da Anatel você encontra o link para baixar as apostilas, é só decorar aquilo tudo e fazer a prova,  tirar seu COER escolher um indicativo e pronto.

Um forte 73 de py2gs
Gilson Oliveira

Dica para Você Ser Radioamador Classe B em Tempo Recorde

Dica para Você Ser Radioamador Classe B em Tempo Recorde

Uma das razões para que muitos radioamadores não se promovam para a classe B é o estudo do CW. Vou passar uma dica para você fazer esta prova e ser aprovado sem dificuldades.

A seguir um Simples Passo para Você Conseguir aprovação em CW (Garantido!), aprendi em 3 semanas.

Utilize o site lcwo.net.

No LCWO você pode aprender código Morse (CW) a partir do seu browser. Não precisa instalar programas no seu computador e tem sempre as suas definições pessoais disponíveis, desde qualquer computador com ligação à internet. Você também pode facilmente avaliar o seu progresso com diferentes funções estatísticas.

Fazer o cadastro no site, é fácil e rápido. Recomendo, pois é muito bom e produtivo para estudos, inclusive uma opção que existe no site, o programa gera um texto na velocidade e tonalidade do som da telegrafia ajustável, você recebe o texto, digita o texto que foi recebido em um campo do site e envia, o programa corrige o texto que você enviou e passa
a porcentagem de acerto.

Ao entrar  no site cadastre-se e se necessário mude a linguagem para português. Fig. 1.

Fig 1. Cadastrando-se no lcwo.net
Cadastrando-se no lcwo.net

Para cadastrar-se você não precisa ter um indicativo, mas o login pode ser o indicativo de classe C. Fig. 2.

Fig. 2- Cadastro

Clique em  Lições (1/40) e comece. Não utilize menos de 12ppm. pode ser configurada a velocidade em Alterado, que esta no fim da frese: Parâmetros actuais: Velocidade do caracter = 12 ppm, Velocidade efectiva = 12 ppm, Tonalidade = 800 Hz, Começar o atraso (segundos): = 0 segundos — Alterado.

Nesta tela você pode Alterar as definições do CW.

Na figura abaixo você observa nas setas o que é necessário mudar após cada lição Fig. 3.

Basico para começar os estudos.
Fig. 3 – Básico para começar os estudos.

Abaixo você observa a cara da máquina de CW, chamada de Máquina Morse. Nela você vai treinar seus ouvidos após cada lição. A máquina é atualizada a cada nova lição.

Aqui você vai treinar seus ouvidos após cada lição. A máquina é atualizada a cada nova lição.
Fig. 4 – Aqui você vai treinar seus ouvidos após cada lição. A máquina é atualizada a cada nova lição.

Para incentivar você, eu fiz duas lições por dia com média de uma hora por dia e em 3 semanas já sabia todo o código e na quarta semana fiz a prova e fui aprovado.

Neste site tem um post com todos os textos que caem na prova. Aqui Lembre-se que serão dois, um para recepção e outro para transmissão.

Tabela do Código Morse Internacional

LETRAS
A: “didah”
B: “dadididit”
C: “dadidadit”
D: “dadidit”
E: “dit”
F: “dididadit”
G: “dadadit”
H: “didididit”
I: “didit”
J: “didadadah”
K: “dadidah”
L: “didadidit”
M: “dadah”
N: “dadit”
O: “dadadah”
P: “didadadit”
Q: “dadadidah”
R: “didadit”
S: “dididit”
T: “dah”
U: “dididah”
V: “didididah”
W: “didadah”
X: “dadididah”
Y: “dadidadah”
Z: “dadadidit”
NÚMEROS
1: “didadadadah” 6: “dadidididit”
2: “dididadadah” 7: “dadadididit”
3: “didididadah” 8: “dadadadidit”
4: “dididididah” 9: “dadadadadit”
5: “dididididit” 0: “dadadadadah”PONTUAÇÃO
/ (barra): “dadididadit”
, (vírgula): “dadadididada”
. (ponto): “didadidadidah”
? (interrogação): “dididadadidit”«PROcedure SIGNS»
<BT> “=” sinal de igual ou pausa
<CQ> Chamada
<AR> “+” over, fim de menssagem
<K>  convite a transmitir
<KN> convite a transmitir apenas a estação especificada
<BK> break, convite a transmitir
<R>  all received OK
<AS> aguarde
<SK> fim do conctacto
<CL> «clear», sair do ar

Forte 73

Gilson Oliveira – py2gs
py2gs@yahoo.com