O Conto do Petróleo Barato

 

Há alguns anos, a mídia justificou a venda da Petrobrás, dizendo que o petróleo ficaria tão barato que ninguém iria querer nem de graça, só porque o preço do petróleo naquela época estava na casa dos 30 dólares o barril. Era uma farsa, hoje o petróleo voltou a subir, hoje próximo dos 70 dólares o barril e subindo.

E a gasolina teve seu preço aumentado extremamente por causa deste aumento do petróleo, só que a mídia como sempre não veio a público pedir desculpas por este erro, que custou caro para o povo brasileiro. Com a nossa gasolina dolarizada, os aumentos são quase que diários.

Poucos sabem, mas o petróleo não será abandonado, nem vai acabar. Poucos sabem, mas no final do século XIX a maioria dos carros, caminhões e ônibus eram elétricos, então a indústria do petróleo nos EUA deu um jeito de matar o carro elétrico, e implantar o carro a gasolina. Aqui no ocidente, o carro a gasolina durará enquanto houver lobby da indústria do petróleo americana; na Alemanha e em poucos países apenas, o carro a combustão  tem data para marcada ser substituido pelo carro elétrico.

Além do mais estão dando um jeito de matar nossa energia elétrica, privatizando a eletrobrás e com outras manobras, como recentemente um deputado propôs taxar as usinas eólicas em sua maioria no Nordeste, em 10% (pasmem ) justificando que elas ocupavam espaço que poderia ser utilizado pelo turismo. Como se tivessemos um grande número de turistas no Brasil, e a renda do turismo fosse expressiva. Na verdade estes deputados nossos são vassalos do Império, que desejam destruir nossas fontes de energia e desenvolvimento, para que não possamos concorrer com eles.

O petróleo não vai acabar tão cedo, por que toda a atmosfera da Terra no início, há 4 bilhões de anos atrás era de CO² e N², ou seja os 21% de oxigênio que temos na atmosfera, foram totalmente fotossintetizados em bilhões de anos e o seu equivalente em carbono que foi tirado da atmosfera, está  debaixo da terra na forma de carvão, gás ou petróleo, reservas tão gigantescas que durariam milhares de anos, mesmo com o consumo crescente da humanidade. É mais fácil acabar o oxigênio da atmofera ( que provavelmente ficará irrespirável dentro de 10 mil anos, com 30 mil ppm de CO², pois está aumentando a uma taxa de 3 ppm por ano atualmente ) do que acabar o petróleo, que será extraído cada vez mais fundo na terra com novas tecnologias.

Ze Guimarães

Editor chefe

Graduado em Informática para Gestão de Negócios pela Fatec-BS. Pós-graduado em Administração Pública pela UGF. Aposentado do Serviço público Federal, Casado, 2 filhos e uma neta. Mora em Santos Litoral de São Paulo. Radioamador Classe A, prefixo py2gs antigo py2add.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × 4 =

Verificando humanidade. *

%d blogueiros gostam disto: